Na Semana Nacional do Meio Ambiente pesquisa da Fecomércio RJ avalia os hábitos de consumo dos brasileiros

Nesta segunda-feira (05/06) se inicia a Semana Nacional do Meio Ambiente.  A Fecomércio RJ anualmente realiza pesquisa nacional para avaliar os hábitos de consumo dos brasileiros. A maior adesão verificada, este ano, é para itens relacionados à economia de energia e de água: são eles “Apagar as luzes ao sair de um recinto” e “Fechar a torneira ao escovar os dentes”, ambos informados como hábitos por 9 em cada 10. Chama atenção também a prática de hábitos como “Adquirir eletrodomésticos que funcionem com menor consumo de energia” (63%). 

Consumo Consciente: parcela de brasileiros que afirma ter hábitos que levam em conta a preservação do meio ambiente é recorde em 2017

72% dos consumidores informam ter hábitos que levam em consideração a preservação do meio ambiente, diz pesquisa nacional da Fecomércio RJ/Ipsos. Nove em cada dez brasileiros buscam economizar água e energia

 O brasileiro reconhece a importância de atitudes cotidianas ligadas ao consumo e busca manter práticas melhores em relação ao meio ambiente. Uma preocupação que abrange medidas diversificadas segundo pesquisa nacional sobre Consumo Consciente, realizada pela Fecomércio RJ/Ipsos desde 2007. A maior adesão dos brasileiros verificada é para itens relacionados à economia de energia e de água: são eles “Apagar as luzes ao sair de um recinto” e “Fechar a torneira ao escovar os dentes”, ambos informados como hábitos por 9 em cada 10. Chama atenção também a prática de hábitos como “Adquirir eletrodomésticos que funcionem com menor consumo de energia” (63%), “Utilizar o transporte público ou bicicleta ao invés de carro” (53%), “Reduzir o uso de papel e produtos descartáveis” (42%) e “Separar óleo de cozinha para reciclagem” (41%).

Quando questionados em relação ao uso de sacolas plásticas, 16% dos brasileiros informaram que utilizam sacolas consideradas mais ecológicas (como as de pano), praticamente estável em relação ao ano de 2016. No entanto, quando perguntados se estariam dispostos a pagar por uma sacola ecológica, 58% dos brasileiros disseram que sim.

Reciclagem de lixo

Menos da metade da população brasileira (48%) separa o lixo para reciclagem, o que representa uma leve piora na comparação com o ano passado, quando 51% dos entrevistados afirmaram que faziam a separação. A pesquisa mostra que cresceu em 4 pontos percentuais a falta de confiança quanto à reciclagem efetiva – na ponta, após a coleta pelos responsáveis pelo serviço, em geral, de competência municipal. Na opinião de 67% dos brasileiros, o lixo reciclado acaba sendo misturado na coleta pública, sem a devida separação, o que acaba desestimulando a prática.

Cresce consumo de alimentos orgânicos

O mercado brasileiro de alimentos orgânicos segue em alta. O consumo destes produtos cresceu 4 pontos percentuais, chegando a 28% da população, na comparação com o ano anterior. Em relação à aquisição de produtos em geral, 79% dos brasileiros informaram que “Verificam armários e geladeira antes de efetuar compras”, 63% “Solicitam nota fiscal ao comprar um produto ou contratar um serviço” e 79% “Utilizam sobra de refeições para fazer uma nova refeição”, atitudes conscientes e ainda mais comuns em períodos de contração no mercado de trabalho.

A pesquisa nacional sobre Consumo Consciente foi realizada pela Fecomércio RJ/Ipsos, no período de 1 a 15 de março de 2017, com amostra de 1200 entrevistados no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Porto Alegre, Belo Horizonte, Florianópolis, Salvador, Recife e em mais 64 cidades brasileiras.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Senac Rio de Janeiro

www.rj.senac.br

OAB/ Barra da Tijuca comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente

Na manhã do próximo domingo, 4 de junho, a Comissão de Direito Ambiental e a Comissão de Proteção e Defesa dos Animais da OAB/ Barra da Tijuca realizarão grande evento em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, no Posto 7,5 da Praia da Barra da Tijuca, em frente ao restaurante Hollandaise. Venha participar de atividades esportivas e recreação para crianças. É importante sabermos o que o lixo deixado nas praias pode ocasionar ao meio ambiente e , assim, podemos contribuir para um maior benefício e qualidade de vida da coletividade.