Na Semana Nacional do Meio Ambiente pesquisa da Fecomércio RJ avalia os hábitos de consumo dos brasileiros

Nesta segunda-feira (05/06) se inicia a Semana Nacional do Meio Ambiente.  A Fecomércio RJ anualmente realiza pesquisa nacional para avaliar os hábitos de consumo dos brasileiros. A maior adesão verificada, este ano, é para itens relacionados à economia de energia e de água: são eles “Apagar as luzes ao sair de um recinto” e “Fechar a torneira ao escovar os dentes”, ambos informados como hábitos por 9 em cada 10. Chama atenção também a prática de hábitos como “Adquirir eletrodomésticos que funcionem com menor consumo de energia” (63%). 

Consumo Consciente: parcela de brasileiros que afirma ter hábitos que levam em conta a preservação do meio ambiente é recorde em 2017

72% dos consumidores informam ter hábitos que levam em consideração a preservação do meio ambiente, diz pesquisa nacional da Fecomércio RJ/Ipsos. Nove em cada dez brasileiros buscam economizar água e energia

 O brasileiro reconhece a importância de atitudes cotidianas ligadas ao consumo e busca manter práticas melhores em relação ao meio ambiente. Uma preocupação que abrange medidas diversificadas segundo pesquisa nacional sobre Consumo Consciente, realizada pela Fecomércio RJ/Ipsos desde 2007. A maior adesão dos brasileiros verificada é para itens relacionados à economia de energia e de água: são eles “Apagar as luzes ao sair de um recinto” e “Fechar a torneira ao escovar os dentes”, ambos informados como hábitos por 9 em cada 10. Chama atenção também a prática de hábitos como “Adquirir eletrodomésticos que funcionem com menor consumo de energia” (63%), “Utilizar o transporte público ou bicicleta ao invés de carro” (53%), “Reduzir o uso de papel e produtos descartáveis” (42%) e “Separar óleo de cozinha para reciclagem” (41%).

Quando questionados em relação ao uso de sacolas plásticas, 16% dos brasileiros informaram que utilizam sacolas consideradas mais ecológicas (como as de pano), praticamente estável em relação ao ano de 2016. No entanto, quando perguntados se estariam dispostos a pagar por uma sacola ecológica, 58% dos brasileiros disseram que sim.

Reciclagem de lixo

Menos da metade da população brasileira (48%) separa o lixo para reciclagem, o que representa uma leve piora na comparação com o ano passado, quando 51% dos entrevistados afirmaram que faziam a separação. A pesquisa mostra que cresceu em 4 pontos percentuais a falta de confiança quanto à reciclagem efetiva – na ponta, após a coleta pelos responsáveis pelo serviço, em geral, de competência municipal. Na opinião de 67% dos brasileiros, o lixo reciclado acaba sendo misturado na coleta pública, sem a devida separação, o que acaba desestimulando a prática.

Cresce consumo de alimentos orgânicos

O mercado brasileiro de alimentos orgânicos segue em alta. O consumo destes produtos cresceu 4 pontos percentuais, chegando a 28% da população, na comparação com o ano anterior. Em relação à aquisição de produtos em geral, 79% dos brasileiros informaram que “Verificam armários e geladeira antes de efetuar compras”, 63% “Solicitam nota fiscal ao comprar um produto ou contratar um serviço” e 79% “Utilizam sobra de refeições para fazer uma nova refeição”, atitudes conscientes e ainda mais comuns em períodos de contração no mercado de trabalho.

A pesquisa nacional sobre Consumo Consciente foi realizada pela Fecomércio RJ/Ipsos, no período de 1 a 15 de março de 2017, com amostra de 1200 entrevistados no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Porto Alegre, Belo Horizonte, Florianópolis, Salvador, Recife e em mais 64 cidades brasileiras.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do Senac Rio de Janeiro

www.rj.senac.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *