Visita ao Parque Olímpico

 

 Subprefeito Alex Costa e Secretário Pedro Paulo levaram moradores vizinhos para conhecer a obra

IMAGEM EDITADA

Moradores que são vizinhos ao Parque Olímpico tiveram a oportunidade no último dia 1º de novembro de conhecer as instalações que estão sendo construídas para sediar os Jogos Olímpicos de 2016. O parque, que tem uma área de 1,18 milhões de metros quadrados será sede de 16 modalidades olímpicas e nove paraolímpicas. O complexo tem 90% das obras concluídas.

Na última quarta-feira (dia 18), no balanço divulgado pela Empresa Olímpica, a Arena do Futuro, (local do encontro), atingiu 100% da conclusão dos serviços de competência municipal. Alguns equipamentos permanecerão para o treinamento de atletas de alta competição e haverá um passeio público, aberto para todos os cariocas que poderão desfrutar também da paisagem da Lagoa de Jacarepaguá. Outros equipamentos serão desmontados e darão lugar a arenas e escolas em outros locais. A Arena do Futuro, por exemplo, dará lugar a quatro escolas: uma no Camorim, duas na Barra e uma em São Cristovão.

Os moradores da Avenida Abelardo Bueno, Salvador Allende, Rua Aroazes, Rio 2 e adjacências foram recebidos na Arena do Futuro pelo subprefeito Alex Costa, pelo deputado estadual Tiago Mohamed e pelo secretário executivo de Governo, Pedro Paulo. Na ocasião, Pedro Paulo destacou as três premissas básicas que a cidade do Rio impôs para sediar os jogos: fazer o menor investimento com dinheiro público, ter a maior quantidade de obras deixadas para a cidade como legado e não ficar nenhum “elefante branco”.

– Todos os prédios e equipamentos precisam ter uso após os jogos, por isso, algumas estruturas foram montadas com uma arquitetura modular, que permite ser desmontada e montada em outro local, dando lugar a escolas e quadras esportivas – explicou Pedro Paulo.

Um dos grandes benefícios para a cidade é a rede de transporte que está sendo construída com VLT e BRTs.

– Dos quatro corredores expressos de ônibus, três deles passam pela Barra e vão beneficiar diretamente quem mora, trabalha ou vem passear na região da Barra e de Jacarepaguá – lembrou o subprefeito Alex Costa, acrescentando que em 2009, só 18% dos cariocas se deslocavam em transportes de alta capacidade e depois que todo o sistema estiver operando vamos chegar a 60% . Isso é um benefício para os cariocas e para a cidade do Rio de Janeiro e que fica para nós utilizarmos – exemplificou Alex.

 

– Dezenas de obras se espalharam pelas ruas nos últimos anos e não é fácil para os cariocas compreenderem a grandiosidade dos projetos que estão causando inúmeras intervenções, ainda mais para aqueles que moram perto desses locais. Por isso, este diálogo é sempre muito importante, para que a gente possa esclarecer dúvidas, apresentar o legado, mostrar os avanços do projeto e os principais desafios que ele traz- explicou Pedro Paulo.

Síndicos e moradores dos prédios próximos ao Parque aprovaram a iniciativa e ficaram orgulhosos ao ver que as obras estão em dia e o que legado para o bairro será de valorização.

O subprefeito Alex Costa vai organizar outras visitas ao Parque Olímpico. Quem estiver interessado em participar da próxima visita deve mandar uma mensagem para a assessoria da Subprefeitura (ascomsubbarrajpa@gmail.com).

Fonte: Assessoria de Comunicação Social da Subprefeitura da Barra e Jacarepaguá.

Fotos: Diego Tourinho/Subprefeitura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *